Porto e a geminação com Nagasaki

Hasegawa Yosuke - Origamis "caros"



Dizem com dinheiro não se brinca! Mas não é dessa forma que pensa Hasegawa Yosuke, um artista japonês de arte origami. Não pode ver uma nota, porque a transforma-a numa dobragem, focando o rosto impresso das notas. Não importa se a imagem é de um presidente ou pessoa histórica, figura política ou religiosa, reis ou rainhas.


Qualquer nota de dinheiro, de qualquer país, que caia na sua mão, traça-a, e dobra-a. Hasegawa Yosuke ganhou tanta popularidade com os origamis de notas, que arte até ganhou um nome: Moneygamie tendo já publicado dois livros sobre o assunto, onde ensina passo a passo das dobragens.


De forma criativa e bem humorada, Hasegawa Yosuke dá aos personagens das notas, chapéus diferentes e inusitados, fazendo com que percam a seriedade e formalidade e ganhem vida. A arte começou há 5 anos atrás e conta com bom humor algumas reações de espanto de algumas pessoas tiveram oportunidade de ver a sua arte pela primeira vez.

O mais inesquecível foi quando deu o Moneygami à sua sobrinha, no “Otoshidama,” costume japonês de dar dinheiro às crianças no Ano Novo. A menina disse espantada: “Não pode brincar com dinheiro”. Hoje em dia, as pessoas já se acostumaram e adoram seus moneygamis!



Para quem quer aventurar-se na arte, ele dá um conselho:

“Seja livre e flexível. Mas também seja exacto e preciso ao dobrar cada linha. Se mantiver estas técnicas na sua mente, terá um bom trabalho. Moneygami é uma óptima maneira de me expressar, de fazer as pessoas rirem ou de simplesmente ficarem felizes por usar o dinheiro de forma diferente.

É claro que as pessoas podem usar o dinheiro para pagar o riso ou a felicidade de outra maneira, mas a maneira que como faço é uma nova forma de usar o dinheiro e de fazer as pessoas felizes.”



































Imagens e textos (tradução automática), colhidos da internet

Sem comentários:

Publicar um comentário